• Estrada Bernardo Coutinho, 1861 - Araras - Petrópolis/RJ
  • studiodamata@studiodamata.com.br
  • (24) 2222-4634
  • (24) 99252-0942

Home sweet Log Home!!!

Julho, 2021

A primeira Log Home (casa de troncos) a gente nunca esquece!!

Com sua origem na Rússia, essa técnica construtiva se espalhou pela Escandinávia e norte da Europa. Em 1938, imigrantes suecos e finlandeses se estabeleceram na América levando suas habilidades que inspiraram os americanos a mesclarem com suas tradições construtivas e passaram a chamar essa técnica de sua. Independente de suas origens históricas e culturais, as Log Homes se expandiram por diferentes fronteiras, conquistando uma enorme legião de admiradores e apaixonados por esse jeito de morar tão especial e único.

Hoje vendo as fotos da montagem da primeira casa que projetamos com esta técnica construtiva, percebemos o quanto temos para contar até chegarmos ao ponto em que estamos atualmente...

Além do nosso sonho de projetar essas casas (que só víamos em viagens ao exterior ou em revistas e livros importados até então), também transformamos os desejos de alguns de nossos clientes em realidade. A vontade de ter uma cabana projetada com toras foi sendo revelada por muitos que assim como nós se encantam com esse estilo construtivo, por sua arte e beleza, sem falar na versatilidade dos troncos, materiais de construção simples e completos que podemos ver e tocar, nos permitindo uma maior proximidade com a natureza.

Tudo começou quando vislumbramos a possibilidade de ter uma parceria com um Log Builder ao visitarmos uma feira de construção na California. Conhecemos um entusiasmado construtor Canadense que nos falou com paixão do seu ofício ao mostrar fotos de suas Log Homes, com primorosa técnica de encaixes e acabamentos perfeitos. A beleza daquelas construções revolucionou nossa forma de criar, vislumbramos ali reais possibilidades de misturas e combinações com outros materiais naturais que já utilizávamos em nossos projetos.

Trocamos, então, informações e falamos da nossa história profissional e o que buscávamos naquele local, inspirações que serviriam para enriquecer o nosso trabalho de arquiteto e paisagista. Ainda na California, fomos convidados a visitar algumas casas em construção pelo mesmo Canadense, e dali pra frente fomos desenvolvendo um diálogo cada vez mais intenso no sentido de viabilizar uma parceria profissional. Voltamos ao Brasil com muitas ideias, e animados com a possibilidade de sermos nós também autênticos Log Builders.

Alguns meses depois, após um encontro em nossa região e já tendo alinhavado alguns pontos entre nós, concretizamos uma parceria comercial.

Iniciamos então uma nova etapa, de aprendizados, trocas e adaptações, muito trabalho para montar a equipe treinada pelo canadense.

Em Itaipava, região serrana do Rio de Janeiro, montamos nosso escritório e show-room, com a construção em toras de eucalipto tratado primorosamente feita por nossa equipe, com seus encaixes, vãos e detalhes perfeitos. Ali pudemos mostrar uma Log Home de verdade e quem entrava sentia a atmosfera daquele lugar cheio de bossa. Os móveis também em troncos, e toda a decoração, faziam dali um lugar único e especial.

Participamos de mostras de decoração e matérias em mídia impressa, que nos abriram muitas oportunidades. Algumas destas matérias estão disponíveis no Editorial deste site, e podem ser relidas a qualquer momento.

Ficamos em Itaipava por 17 anos, e nesse período tivemos muitos clientes, alguns se tornaram amigos após terem suas casas dos sonhos prontas, experiências diversas que dariam para escrever um livro!!

Como uma casa de Lego, desfizemos a construção e a remontamos em outro local. O cliente, um apaixonado pela técnica construtiva, que se encantou quando entrou ali pela primeira vez, ao saber da nossa mudança de endereço quis ter aquele projeto transferido para sua propriedade a poucos quilômetros dali. E assim foi feito o seu desejo!!

Hoje, percebemos que nossa forma de projetar Log Homes faz parte deste processo de fusão de tradições, e conseguimos imprimir nossa forma de criação, que mistura materiais e explora novas possibilidades. As primeiras construções com muitas paredes de troncos agora dão lugar a um repertório mais livre e eclético, e podemos ter casas em que troncos são bem combinados a materiais como alvenaria, vidro, pedra e até a materiais mais industriais como o aço, numa versão mais contemporânea.

Com toda essa versatilidade, os troncos retém uma vantagem emocional que continua a nos inspirar e ainda permanecem queridos para nós, mesmo vivendo neste mundo altamente tecnológico.